POESIASPORVOCE
Contos e Versos, Sentimentos e Poesias, À Flor da Pele.
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
Textos
Soneto de amar
Amar assim tanto, meu amor, não posso…
O meu coração é de verdade, não molha como papel…
Amar-te assim, apenas como amo, amor amante é constante.
Amor, diverso e perverso, realidade.

Amo-te até o fim, da calmaria do mar em fúria;
Amo além, amor que está ausente na saudade
Amor preso na gaiola, amor grande em liberdade
Amor eterno, amor instante.

Amo-te como um pássaro viajante.
Pássaro misterioso, virtuoso e fiel
Amor de desejo, maciço, sabor do puro mel.

Amar-te assim, amo muito, amo grande, amo amiúde.
Amor venenoso, amor de serpente
Hei de morrer, mas amando-te eternamente.
MOARES
Enviado por MOARES em 31/01/2020
Comentários
Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links